Logotipo Real Gramas

Como combater ervas daninhas

Manutenção do gramado: Como controlar e combater Ervas Daninhas.

Conforme o tempo passa, algumas ervas daninhas podem começar a aparecer e atacar a grama, prejudicando o desenvolvimento e crescimento da grama. Elas podem aparecer de forma pontuais e podem se espalhar rapidamente formando um mato denso ou mato baixo com talos tornando o seu gramado feio e com aspecto abandonado.

 

Quais os tipos mais comuns de ervas daninhas?

Existem vários tipos de ervas daninhas.

As mais comuns são a Capim do Brejo, Capim da Roça, Tiririca, Trevos, Dente de Leão, Hera terrestre, Sempre-Noiva, Braquiara, Morrião dos Passarinhos, Beldroega, Azedinha, Capim Colchão entre outros.

 

Qual é a Erva Daninha mais difícil de ser eliminada?

Dentre os vários tipos de ervas daninha, a principal, mais comum e temida é a chamada “TIRIRICA”, cujo nome científico é Cyperys rotundus.

A Tiririca possui um conjunto de bulbos, rizomas e tubérculos subterrâneos (conhecidos como batatinhas) que são interligados em forma de corrente de onde surgem as folhas e as hastes florais. Veja imagem abaixo.

Os tubérculos são produzidos nos rizomas e quando brotam, uma ou mais gemas começam a crescer, produzindo novas plantas com mais tubérculos, o que garante a reprodução e disseminação da Tiririca.

Dessa forma, uma vez que um gramado é infestado pela Tiririca, ela costuma dar muito trabalho para ser removida e torna o seu extermínio muito difícil.

 

Como as ervas daninhas apareceram no meu gramado?

A disseminação das ervas daninhas podem ocorrer através da aplicação de matéria orgânica e mudas contaminadas, equipamentos agrícolas que apresentam os tubérculos (batatinhas) das ervas daninhas aderidas, ou podem ser trazidas por enxurradas, sulcos e canais de irrigação.

 

Como combater as ervas daninhas, especialmente a Tiririca?

O combate às ervas daninhas pode ser feito da maneira mecânica ou química.

No método mecânico, a eliminação das ervas daninhas, incluindo a Tiririca, é feita através do preparo do solo, capina e de cultivo de espécies antagônica.

O método químico é a maneira mais eficiente de se eliminar ervas daninhas. Ela é feita através de herbicidas seletivos que matam as ervas daninhas sem matar e danificar a grama. Para cada tipo de erva daninha, existe um tipo específico de herbicida seletivo que pode ser adquirido em lojas especializadas de produtos e defensivos agrícolas.

No caso da Tiririca, pode-se usar herbicidas conhecidos como pré-emergênciais tais como o Alaclor, Metolachlor e EPTC que é seguida com a aplicação de herbicidas pós-emergência tais como o Imazapir (vendida no mercado a 2,5% com o nome de Kapina), o 2,4D (ácido diclorofenoxiacético) e o Glifosato (N-fosfonometil glicina, C3H8NO5P) que devem ser aplicados nas primeiras semanas após a emergência da Tiririca.

 

Dicas:

Evitar a disseminação das ervas daninhas é sempre o melhor remédio. Portanto, assim que se virem as ervas daninhas crescendo em seu gramado, tente eliminá-las o mais rápido possível.

Os herbicidas seletivos são produtos químicos tóxicos que requerem manuseio controlado. Dessa forma, para serem adquiridos é necessário o receituário e a orientação de um agrônomo.

 

Deixe seu comentário

Comentários

Bom dia Srs Tenho aproximadamente 1000 m² de grama esmeralda,plantada há muitos anos . Com o tempo, começou a surgir grama batatais que vem se alastrando e tomando conta desse gramado , A grama batatais não foi plantada e as suas sementes foram trazidas por pássaros e cortes dessa grama , ao redor do local. Além disso, há uma grande quantidade de pragas diversas , com exceção de tiriricas. Vcs podem me informar qual tipo de veneno posso aplicar em toda essa área, para exterminar não só com as pragas , mas também com a grama batatais, sem prejuízo para a grama esmeralda? Antecipadamente agradeço pela atenção e ajuda. Bergamini

A cobertura vai manter o solo fresco e protegido da luz solar, desestimulando o crescimento de novas ervas daninhas.

Boa tarde. Tenho um quintal onde plantei grama esmeralda atraves da colocacao de placas. Ha mais de um ano, apareceu grama barbante (ou capim barbante) no meio da grama esmeralda e se espalhou. E muito dificil arrancar o capim, e observamos que muitas vezes sua raiz esta abaixo da placa de grama. O Kapina nao combate esse capim. Existiria algum defensivo especifico? Em caso negativo, o que fazer? Obrigada desde ja por qualquer colaboracao que possa prestar. Angela Mattos

Muito boas as informações. Obrigado amigos

Ver mais comentários